(12) 3308-2747 | (12) 3322-0738 | (12) 97404-9099 - WhatsApp | (12) 99118-9970 [email protected]
Artigos

Cargas são movimentadas o tempo todo, seja para a manutenção de rodovias, paradas de manutenção em indústrias, na montagem de estruturas metálicas ou pré-moldadas ou para carregar equipamentos pesados em geral. O importante é que essas operações sejam seguras e realizadas por pessoas altamente qualificadas.

Afinal, a movimentação de cargas é realizada por equipamentos como guindastes e empilhadeiras, que ficam aos cuidados de técnicos que planejam e acompanham toda a execução do trabalho de içamento de cargas, remoções industriais e transportes especiais.

A movimentação de carga envolve todo um conhecimento em práticas de segurança, visando garantir que tudo corra bem antes, durante e depois de cada operação.

Análise de riscos

A movimentação de carga passa por um passo importante de análise de riscos e visita ao local da operação. É feito um planejamento para que, no momento de executar o trabalho, tudo esteja de acordo aos critérios de segurança.

O técnico em movimentação de cargas é o responsável por executar tudo o que foi planejado e projetado e atua nas operações de movimentação de carga.

Ele segue o chamado Plano de Rigging, que planeja e simula a operação de movimentação de carga, visando otimizar os equipamentos, acessórios etc.
Esse documento obrigatório garante mais segurança e eficiência na movimentação da carga por guindastes.

Para que tudo corra bem, é preciso trabalhar com cálculos, projetos de dispositivos, desenhos demonstrativos de todas as fases de içamento, as posições mais críticas e as folgas previstas.

Regulamentação

A Resolução 218, de 29 de junho de 1973, do Conselho Federal de Engenharia, Arquitetura e Agronomia define 18 atividades relacionadas às diferentes modalidades profissionais para os níveis de formação técnica, superior e tecnólogo.

O Plano de Rigging se enquadra como estudo, planejamento, especificação e desenho e, com isso, caberia ao engenheiro exercer a atividade de estudo, planejamento, projeto e especificação, relacionado à sua formação, enquanto os técnicos e tecnólogos se enquadram na atividade 18.

A NR 12 define no anexo XII o profissional de movimentação de carga (Rigger), como responsável pelo planejamento e elaboração do plano de movimentação de cargas.

Plano de Carga (Rigging)

O Plano de Carga é, portanto, um levantamento de dados feito em campo para a elaboração de um plano que analisa o guindaste a ser utilizado, o solo e o patolamento. Emite-se, então, o ART (Atestado de Responsabilidade Técnica), com a indicação de ângulos aplicados e acessórios necessários.

Tudo deve ser feito com acompanhamento e supervisão no local das movimentações, reduzindo riscos operacionais e minimizando o tempo de execução.

Por isso, é preciso ter sempre um profissional capacitado para analisar possíveis riscos em sua operação.

NR-11

A NR-11 – Transporte, Movimentação, Armazenagem e Manuseio de Materiais exige que as empresas sigam procedimentos de segurança que garantam que todos os operadores utilizem os EPIs adequadamente; que os equipamentos e veículos estejam com a manutenção em ordem; que as áreas de tráfego e movimentação dos materiais sejam isoladas; que haja procedimentos claros de evacuação e combate a incêndios e que os materiais perigosos sejam movimentados e transportados por profissionais altamente qualificados.

Para cargas perigosas, é preciso habilitação profissional e certificado de conclusão dos cursos MOPP (Movimentação de Operação de Produtos Perigosos) para o motorista. Este curso é oferecido por órgãos credenciados ao Detran, como o SEST/SENAT e ajuda a reduzir o índice de acidentes.

No caso da habilitação para empilhadeiras, não é obrigatória, mas o operador precisa comprovar que participou de treinamento sobre o uso do equipamento.

Como atender à NR-11?

Por ser uma norma pública e aberta a NR-11 pode ser estudada por sua empresa para adequar o atendimento da mesma conforme os processos normativos. Para este diagnóstico, você pode contar com o suporte de uma consultoria. A importância de atender à regulamentação vem para evitar problemas com a fiscalização trabalhista, como multas, autuações e até bloqueios e, principalmente, para garantir a segurança das operações e dos profissionais envolvidos.

No momento de contratar serviços de transporte e movimentação de carga, procure uma empresa que atue com responsabilidade e cumpra adequadamente a NR-11, norma regulamentadora do setor.

O Grupo WR Locações é especializado em oferecer as melhores soluções para movimentação de cargas, trabalhos em altura e içamentos. Nossa equipe é treinada para realizar todos os processos de maneira segura e eficiente, com profissionais altamente capacitados e com ampla experiência de mercado.

Nossos equipamentos são modernos e recebem manutenção periódica, garantindo a realização de operações com a máxima excelência.

Estamos estrategicamente localizados na cidade de São José dos Campos, no Vale do Paraíba, e temos capacidade técnica e operacional de suprir a demanda da região no segmento de locações de munck, guindaste, plataforma elevatória, plano de rigging, remoção industrial e transporte de máquinas e equipamentos.

Investimos sempre em inovação e tecnologia. Quer segurança? Solicite um orçamento.